Receitas

A refeição é sempre um momento de parada das nossas ocupações e preocupações da vida. É um momento de celebração da vida, da amizade. É por isso que não vivemos "somente de pão". O tinir dos copos e talheres deviam fazer também "arder o nosso coração" (Lc24,32) como o dos discípulos de Emaús, ao brindarmos a vida com nossos convivas.

Percebemos assim que a refeição tem uma dimensão humana, social e religiosa. É parte integrante da nossa vida, celebrada em comunhão com nossos irmãos nos remete ao Criador. Comemos não só para sobreviver, mas também para conviver. É na mesa que conhecemos mais intimamente nosso Deus. Seu Filho se revela como comida e bebida em sua memória para sempre.

Pe. Paulo Wendling

  • DOCE DE FIGO MADURO
  • DOCE DE FIGO MADURO

    É tempo de figo maduro. Quem for à Serra Gaúcha, especialmente Nova Petrópolis, vai encontrar figo maduro. Além de figada, schmier também podemos fazer um doce com a fruta inteira. Dá um pouco de trabalho, mas o sabor compensa para surpreender as visitas… Bom apetite!

    INGREDIENTES: Figo maduro, melado de cana ou açúcar mascavo;

    Opção; cravo para dar gosto;

    IMPORTANTE: panela de inox.

    COMO FAZER:

    – Cortar o cabinho do figo maduro e deixe escorrer o “leite” (látex); lavar.

    – Despejar o melado na panela de inox e ferver o melado até criar “borbulhas”;

    – Após ferver o melado, colocar o figo na calda (melado) e desligar o fogo.

    – Deixar o figo dentro da calda até esfriar;

    – Quando a calda estiver fria, retirar o figo e ferver novamente a calda; Repetir o processo no mínimo 4 vezes ou até o doce ficar no ponto que desejar. Se optar em colocar cravo, coloque na última vez que vai fazer a fervura;

    – Para guardar o doce, use vidros de conserva. Colocar ainda quente os figos nos vidros. Fechar e virar o vidro de cabeça para baixo até ficar frio. Este processo conservará o figo por muito tempo guardado.

    figo2.3
    Melado fervendo em panela de inox.

    Obs: A quantidade de melado vai depender da quantidade de figo.figo 1figo2.2figo3.44

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

    figo5

     

     

     

     

     

     

    figo 6
    Figo pronto para saborear!

     

  • DOCE DE MARACUJÁ AZUL>-22 DE SETEMBRO
  • DOCE DE MARACUJÁ AZULmaracujá2

    INGREDIENTES: Maracujá azul  (Passiflora  caerulea); melado de cana ou açúcar mascavo.

    MODO DE FAZER:  Lavar os maracujás e fazer um pequeno furo no calcanhar (do fruto). Ferver o melado até que fique uma calda consistente. Colocar os frutos dentro da calda e desligar o fogo. Quando a calda estiver fria, retirar os frutos, ferver novamente a calda até ficar consistente. Colocar novamente os frutos na calda e desligar o fogo. Repetir o procedimento até que o doce esteja no ponto.

    maracujá1O segredo é não ferver o maracujá, apenas colocar na calda quente, tantas vezes, quantas for necessário.

    Deguste com sua família ou seus amigos. Uma delícia!

    maracujá3

     

     

     

    maracujá4

     

    maracujá5

  • Tapioca
  • TAPIOCA 

    Nossa Receita: Pe. Paulo Wendling e Laura Damian

    INGREDIENTES: – 01 ovo – 03 colheres de farinha para tapioca – 03 tomate cereja picado (orgânico) – Salsa – 01 cebola picada – Manjerona – Folhas de ora pro nobis – Azeitonas picadas – Alcaparras – Pimenta fresca – Nirá – 04 fatias de queijo mussarela.

     

     

    MODO DE FAZER: Bater o ovo com a farinha. Untar com gordura de coco e aquecer a forma de pedra sabão. Despejar a massa na forma até ficar consistente e virar como se fosse panqueca .

     

    Colocar em um dos lados o queijo fatiado e os outros ingredientes picados. Dobrar a massa sobre os ingredientes e deixar aquecer até ficar no ponto, virando várias vezes. Servir ainda quente com opção de regar com azeite extra virgem de oliva.

     

    SALADA DE ERVAS AMARGAS PARA ACOMPANHAMENTO Rúcula, radiche e dente de leão.